SESSÃO PÚBLICA – PROJETO “…MELHOR POSTURA CORPORAL”

No dia 11 de março de 2015 teve lugar na Escola Básica Penafiel Sul a Sessão Pública de apresentação do desenvolvimento do projeto “À procura de uma melhor postura corporal”. A atividade constou de dois momentos de intervenção. No primeiro, foram apresentadas as atividades que têm sido executadas no âmbito do projeto e revelados os resultados dos estudos científicos realizados. O segundo momento, foi destinado à assinatura do protocolo entre o Agrupamento de Escolas Joaquim de Araújo (AEJA) , a Câmara Municipal de Penafiel (CMP) e a empresa de mobiliários escolar Nautilus, S.A., com vista ao desenvolvimento de um subprojeto designado pelos promotores de “Melhor Postura…melhor aprendizagem”.

Cada momento de intervenção contou com a participação de representantes de referência das diferentes entidades envolvidas no projeto. Assim no primeiro painel fizeram parte: o Dr. António Cunha – Diretor do Agrupamento; o Professor Doutor José Alberto Duarte, do Centro de Investigação em Atividade Física, Saúde e Lazer da Faculdade do Desporto da Universidade do Porto (CIAFEL – FADEUP); o Dr. Jorge Alves, médico ortopedista do Centro Hospitalar Tâmega e Sousa (CHTS), Doutora Emília Alves e Mestre Duarte Carneiro do AEJA, coordenadora e subcoordenador do projeto, respetivamente.

No segundo painel estiveram presentes os representantes dos parceiros para esta nova fase do projeto, nomeadamente o Dr. Antonino de Sousa, Presidente da Câmara Municipal de Penafiel, o Eng.º Vitor Barbosa, Administrador da Nautilus, S.A. e novamente o Diretor do Agrupamento e a Coordenadora e subcoordenador do projeto.

Para além dos ilustres representantes constituintes dos painéis, tivemos a honra da presença do Sr. Administrador do CHTS, Dr. Carlos Vaz, o Diretor Clínico do CHTS, Dr. João  Barros da Silva, Diretor do serviço de ortopedia, Dr. Carlos Sousa, Presidente do Conselho Geral do Agrupamento, Dra. Anabela Pereira, Profissionais de Saúde representantes de diversas unidades de saúde familiar do concelho de Penafiel, Professores da Faculdade de Engenharia do Porto, representantes das escolas/agrupamentos do concelho de Penafiel; Presidente da Associação de Pais e Encarregados de Educação do Agrupamento Penafiel Sul, Encarregados de Educação representantes das turmas da EBPS, Professores e público em geral.

Dos diferentes intervenientes ficou a mensagem de que o projeto, que apresenta um forte suporte científico, deve ser efetivamente assumido como um projeto não só de Agrupamento, mas aberto a toda a comunidade escolar do concelho e que, perante os resultados encontrados, toda a comunidade educativa deve considerar este tema como mais um conteúdo a ser abordado em sala de aula.

Ficou ainda bem patente que o projeto apresenta um grande contributo para a saúde pública e que pode também vir a ter grandes repercussões ao nível da aprendizagem dos nossos alunos, através da utilização de mobiliário ergonómico, a ser implementado, nesta fase, a partir do 1.º ciclo do ensino básico.

Projeto em desenvolvimento…

Este ano letivo, de facto, não tem sido o mais favorável para o desenvolvimento deste projeto…

Até começamos com entusiasmo e com novas perspetivas, quando em setembro decidimos elaborar um subprojeto e nos candidatamos a um financiamento, como já referimos no post anterior.

Contudo, o desempenho de outras funções que envolvem todo o Agrupamento têm absorvido o nosso tempo e o Projeto da Postura Corporal tem sido colocado em segundo plano.

Claro que essa situação acabou por comprometer alguns dos objetivos que tínhamos para este ano e colocar em causa o cumprimento de certos compromissos estabelecidos com as entidades parceiras.

De qualquer das formas estamos a tentar dar o nosso máximo e a prova disso é que iremos começar já amanhã com a avaliação da postura corporal aos alunos do 5.º ano, no âmbito do estudo longitudinal que nos propusemos realizar.

No início do 3.º período iremos avaliar os alunos do 6.º ano, já por nós observados no ano passado, de forma a podermos realizar uma análise comparativa dos indicadores registados.

Salienta-se que esta tarefa será realizada fora do nosso horário letivo, pelo que será com um grande esforço que iremos tentar cumprir este desafio.

No entanto, o contributo para a melhoria da saúde dos nossos alunos “fala sempre mais alto”.

Até breve!

 

Calendário das Avaliações 5.º ano

avaliações_postura

Mais um ano… 2013/2014

 

O envolvimento em outras iniciativas escolares tem retardado a nossa atividade no projeto. Mas nada nos fará parar!… Pode é o ritmo ser mais lento e as atividades não serem as que gostaríamos e as que o desenvolvimento do projeto nos tem vindo a desafiar. Mas podemos vir a ter grandes novidades.

Pois é! No passado mês de setembro submetemos um projeto a uma candidatura de financiamento. A proposta de trabalho chama-se “Melhor postura…melhor aprendizagem”. Para já não queremos adiantar mais pormenores. Preferimos aguardar para ver o resultado e depois, seja ele favorável ou não, partilhamos com vocês as nossas ideias, ou para serem implementadas ou para ficarem a aguardar. Sim, porque este projeto só poderá avançar se tivermos financiamento. Vamos ter esperança!

Este também tem sido um fator que nos leva a estar um pouco menos ativos, porque dependendo do referido resultado as atividades a desenvolver neste ano letivo de 2013/ 2014 podem tomar diferentes direções.

No entanto, podemos deixar aqui registado que já foram recolhidas, nas reuniões dos Diretores de Turma com os pais, as autorizações dos Encarregados de Educação para que os alunos do 5.º ano possam participar no projeto de aplicação longitudinal. Estando a realização das avaliações da postura corporal aos referidos alunos prevista para o 2.º período.

Também, em meados de setembro já efetuamos reuniões com a Câmara Municipal de Penafiel e com a Coordenadora do Centro Escolar de Penafiel, para delinear estratégias para a utilização do mobiliário escolar adaptado às caraterísticas físicas dos alunos, integrado no projeto que desenvolvemos para o 1.º ciclo no ano letivo anterior.

Pelas razões apontadas inicialmente, temos ainda pendente o desenvolvimento do projeto na sua vertente de investigação científica, estando-se a aguardar a oportunidade para se efetuar o tratamento estatístico dos dados recolhidos no ano letivo anterior, no CHTS, com o objetivo de validar o instrumento de avaliação da postura corporal.

Para terminar queremos aproveitar para pedir compreensão aos nossos parceiros se o nosso trabalho não for tão célere como expectavam, mas na verdade cada vez mais se torna difícil conciliar o desenvolvimento deste tipo de projetos com a atividade escolar.

Um até breve!…

…até setembro!

Terminámos ontem, dia 30 de julho, a recolha de dados no CHTS e hoje estamos aqui para partilhar convosco a nossa despedida para férias, mas sem antes deixar o nosso relatório de atividades referente ao ano letivo 2012/2013 (consultar link em baixo).

Sem dúvida que a avaliação do trabalho desenvolvido só pode ser favorável, pois consideramos que o projeto tem tido um elevado impacto na população escolar, tendo-se tornado uma mais-valia para a saúde dos nossos alunos, reconhecido não só pela comunidade educativa interna, como perante a comunidade externa, tomando-se como exemplo as apresentações públicas que foram realizadas em diferentes locais, por convite de entidades externas à escola/agrupamento.

De salientar, ainda, o reconhecimento do trabalho desenvolvido com o projeto e da sua valorização pelos responsáveis autárquicos, ao aceitar a nossa proposta de intervenção no Centro Escolar de Penafiel.

Tomámos, igualmente, como referência positiva os feedbacks que temos recebido das nossas entidades parceiras, sendo de realçar a elevada credibilidade e reconhecimento obtido por parte dos profissionais do CHTS quando adotaram a nossa plataforma plantar para a realização do Rx extra longo, revelando a qualidade do trabalho realizado no âmbito do projeto.

Por todas estas razões, consideramos que se torna clara a utilidade e a dimensão que este projeto tem tido na comunidade educativa, no que refere à promoção da saúde e hábitos de vida saudável, assim como ao exemplo de boas práticas a desenvolver na escola/agrupamento.

São estas algumas das razões que nos norteiam e nos dão força e motivação para continuar, querendo ir cada vez mais longe “à procura de uma melhor postura corporal” para os nossos alunos, jovens de hoje e adultos de amanhã!…

Boas férias a todos os que nos visitam!

Relatório de Atividades 2012/2013

AdobePDF_logo

Rx no CHTS realizado com plataforma plantar fornecida pelo projeto

Terminada a recolha de dados no Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS), referente ao processo de validação de método/instrumento de avaliação da postura corporal, a ser aplicado em rastreios para a detecção precoce de deformidades da coluna vertebral, não quisemos deixar de vos dar a conhecer a importante partilha que ocorreu entre o nosso projeto e esta entidade parceira, ou seja:

Atualmente qualquer utente que realize um Rx extra longo no CHTS, fá-lo-á com o mesmo protocolo que utilizamos nas nossas avaliações da postura corporal.

Foi com muito agrado que tivemos conhecimento da aprovação da proposta apresentada pelo Dr. Jorge Alves, médico colaborador no projeto, ao responsável de radiologia, Dr. Miguel Ferreira, para que os Rx’s, a partir da data que iniciámos a recolha de dados naquela instituição, fosse realizado com o protocolo que utilizamos na avaliação da postura corporal, usando, nomeadamente, uma plataforma de apoio plantar igual à do nosso instrumento.

Hoje, de partida do CHTS, por cumprirmos mais uma etapa do projeto, expressamos aqui uma enorme satisfação pelo manifesto reconhecimento dos nossos parceiros, através de um verdadeiro cruzamento de saberes que se elevaram ao mais alto nível, colocando em ação práticas comuns com um objetivo único, que é a evolução do conhecimento científico.

rxcirculo      aparcirculo

Processo de validação…de volta ao CHTS

instrumento_CHTS

Pois é, cá estamos nós de volta à investigação. Conforme prevíamos regressamos ao Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS), para dar continuidade à recolha de dados referente ao processo de validação do método/instrumento de avaliação da postura corporal, que iniciámos no final do mês de fevereiro do presente ano.

Desde o dia 2 de julho que estamos novamente a observar a postura corporal dos utentes que frequentam a consulta de ortopedia, na Especialidade de Deformidades da Coluna Vertebral, do Dr. Jorge Alves, médico e membro da equipa de investigação.

As manhãs de 3.ª-feira deste mês serão, então, dedicadas à investigação, na tentativa de conseguirmos uma amostra satisfatória, para que o poder estatístico da análise a efetuar seja maior.

Neste sentido, o encerramento do ano letivo será um pouco mais tarde e as férias terão de esperar…

Até breve!

 

Projeto Postura Corporal no Centro Escolar das Antas

Através do nosso blogue fomos contactados pelo Centro Escolar das Antas para realizar uma ação de informação/sensibilização sobre “Hábitos de Postura Corporal” direcionado a alunos do pré-escolar e do 1.º ano do Ensino Básico.

Seria a primeira vez que iriamos aplicar o nosso projeto àquela faixa etária, principalmente aos alunos do pré-escolar, com idades dos 3 aos 5 anos, mas prontamente aceitamos o desafio e no passado dia 30 de maio lá estivemos naquele estabelecimento de ensino.

Foram preparadas duas sessões, uma para o pré-escolar e outra para o primeiro ciclo, com duração de 45 minutos cada, pois dadas as características daquelas crianças julgamos que mais tempo poderia despoletar momentos de desatenção, associados a comportamentos de desvio.

Mas sem dúvida que nos surpreenderam, nomeadamente os alunos do pré-escolar. As crianças estiveram sempre atentas e muito participativas. A sessão durou mais de 60  minutos, nem demos conta da hora passar e tínhamos o outro grupo à espera para entrar.

Falou-se, em formato muito simplificado, da importância de um crescimento saudável, em termos de postura corporal e do cumprimento das regras sobre, principalmente, como se devem sentar, dado que nestas idades é a atitude postural que mais adotam durante o dia. Fez-se referência, ainda, à forma como se deve utilizar a mochila, neste caso, com maior ênfase na sessão do primeiro ciclo.

Para além das Educadoras e Auxiliares de Ação Educativa, também estiveram presentes nas sessões alguns Pais e Encarregados de Educação.

No final ficou o convite para colaborarmos no próximo ano, num projeto alargado a todos os alunos do Centro Escolar e restante comunidade Educativa.

Foi uma experiência fantástica!…Nunca pensamos ser tão gratificante trabalhar com estas idades.

Bem haja quem se preocupa com esta temática e acima de tudo quem tem uma visão abrangente sobre a escola, indo muito mais além do que o currículo lhes obriga.

Parabéns pela iniciativa!

…de volta à escola

As avaliações da postura efetuadas aos utentes da consulta de especialidade de “Deformações da Coluna Vertebral”, do Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS), tiveram de ser interrompidas para podermos voltar à escola e avaliarmos os alunos do 5.º ano, conforme previsto no projeto.

De facto o final do ano estava a aproximar-se e era necessário ainda neste ano letivo avaliarmos a postura a todos os alunos inscritos no 5.º ano de escolaridade, cujos pais e/ou encarregados de educação deram consentimento para tal.

Assim, o nosso instrumento de avaliação da postura corporal teve de regressar à escola, embora prevemos que no final do ano letivo, nos meses de junho e julho, voltemos ao CHTS durante mais algum tempo, na tentativa de conseguirmos obter a amostra necessária para o estudo de validação que nos propusemos realizar.

Neste momento, já demos início às sessões de avaliação da postura, conforme calendário que se anexa.

Essa avaliação é efetuada durante as aulas de Educação Física, pelos coordenadores do projeto, no seu horário extracurricular.

De realçar a colaboração incondicional dos professores de Educação Física da nossa Escola, pois sem eles não seria possível desenvolver este projeto, que consideramos de elevada importância para a saúde dos nossos alunos.

Até breve!

Calendário de avaliações dos alunos do 5º ano.

AdobePDF_logo

Mobiliário escolar para o 1.º ciclo

No dia 10 de março de 2013, os responsáveis do projeto “À Procura de uma Melhor Postura Corporal”, entregaram na Câmara Municipal de Penafiel, ao Ex.mo Senhor Vereador da Educação, Dr. Antonino de Sousa, a Proposta para a Aquisição de Mobiliário Escolar Adequado ao 1.º Ciclo do Ensino Básico, que tem como objetivo o apetrechamento do novo Centro Escolar (CE) de Penafiel.

A referida proposta que, aliás, já tem vindo a ser objeto de análise em reuniões anteriores realizadas com o Dr. Antonino de Sousa, teve por base os resultados que obtiveram com o estudo que realizaram ao nível do 1.º Ciclo do Ensino Básico.

Através do referido estudo, onde se pretendia, essencialmente, verificar a relação adequada do mobiliário escolar (mesas e cadeiras) à estatura dos alunos, observou-se que:

– As duas medidas que são normalmente utilizadas em sala de aula, estão inadequadas para a maioria dos alunos que frequentam esse nível de ensino;

– A utilização de apenas duas medidas de mobiliário, torna-se insuficiente para dar resposta à diferença significativa das alturas médias encontradas nos alunos do 1.º ao 4.º ano de escolaridade.

Detetado esse desajustamento, através dos dados recolhidos, conseguiu-se elaborar uma Tabela de Relação Adequada entre a altura média dos alunos, por ano de escolaridade, a altura da mesa e a altura da cadeira.

Expostas as nossas preocupações e discutidas as sugestões de atuação, o Ex.mo Senhor Vereador da Educação reiterou o compromisso de que, pelo menos, uma das salas do novo CE será equipada com mobiliário ergonómico e as restantes propostas apresentadas no documento ficariam para ser analisadas e ver até que ponto poderiam vir a ser concretizadas.

Terminada esta etapa, que se estima ter ainda um grande caminho a percorrer, resta-nos aguardar que os responsáveis autárquicos considerem a nossa proposta com elevada importância,  numa perspetiva de desempenho de um papel de promotores de saúde, nomeadamente, na procura de uma melhor postura corporal, da população jovem do concelho.